Câmara de São José aprova projeto que autoriza prefeitura a vender R$ 2,5 milhões em ações

Ações são de companhias de energia e foram adquiridas em antigos contratos e convênios municipais.

Gestão informou que vai investir dinheiro arrecadado na venda em obras e na compra de equipamentos.

Câmara de São José aprova projeto que autoriza prefeitura a vender R$ 2,5 milhões em ações Reprodução/ TV Câmara São José A Câmara de São José dos Campos (SP) aprovou nesta quinta-feira (5) por unanimidade o projeto que autoriza a Prefeitura a vender ações de empresas do setor energético na bolsa de valores.

Com a medida a administração municipal tem estimativa de arrecadar R$ 2,5 milhões que serão investidos na compra de equipamentos e obras.

As ações de companhias de energia foram adquiridas em antigos contratos e convênios.

Para fazer a venda, a prefeitura precisava da autorização do legislativo porque as ações fazem parte do patrimônio do município.

No projeto que foi encaminhado para o legislativo o prefeito Felício Ramuth (PSDB) afirma que as contas não estão no vermelho, mas este é um bom momento para realizar a venda.

Em março de 2018 as ações eram avaliadas em R$ 1,4 milhão e em 18 meses tiveram a valorização de 71,26%. O executivo afirma ainda no projeto que a venda dessas ações deve aumentar o caixa do município, que tem registrado reflexos negativos decorrentes da retração da atividade econômica do país. Valores De todas as ações, 14.131 são da CPFL Energia e são avaliadas em R$ 463 mil.

Outras 2.417 são Eletrobras Eletropar, com valor estimado em R$ 181 mil.

Além disso, são 16.436 ações da Eletropaulo, com valor estimado em R$ 795 mil; 4.109 ações da Empresa Metropolitana de Águas e Energia, estimadas em R$ 99 mil; 11.655 ações são da EDP Brasil no valor de R$ 226 mil; e 30.720 ações da CTEEP no valor de R$778 mil. Com a aprovação da câmara, as ações podem começar a serem vendidas após publicação no Diário Oficial.

Categoria:SP - Vale do Paraíba e região